Ir para conteúdo
qui, 02/03/2017

Nota à Imprensa: Esclarecimentos sobre a distribuição das unidades de atendimento

A Secretaria da Segurança Pública esclarece que o decreto 62.355/2016 abriu créditos suplementares ao orçamento de diversas secretarias, entre elas a própria SSP. Trata-se de medida de rotina para que o Estado honre a folha de pagamento dos servidores, que é estimada no ano anterior e pode ou não se cumprir ao longo do exercício. Outro manifesto equívoco do sindicato é relacionar esses remanejamentos a concursos não previstos, uma vez que qualquer contratação só pode ser realizada com a identificação dos devidos recursos. Não há que se falar ainda em efeito de aposentadorias, uma vez que os benefícios dos aposentados continuam saindo da folha de pessoal do Estado.

Em relação às delegacias da Região Metropolitana de São Paulo, as unidades foram distribuídas de acordo com a quantidade de habitantes de cada região. Os plantões trabalham com equipes completas, formadas por delegados, escrivães e investigadores. O fechamento de algumas unidades no período noturno, além de fins de semana e feriados, ocorre devido à queda da demanda. As delegacias que abrigam centrais de flagrante são determinadas a partir de aspectos como concentração populacional e facilidade de acesso pelos cidadãos.

Sobre as delegacias de Guarulhos, a SSP informa que nenhuma unidade foi “despejada”.  A sede da Delegacia Seccional e as delegacias especializadas estão sendo transferidas para um novo prédio locado pelo Governo do Estado de SP, que atenderá melhor a população e as necessidades da própria polícia. O 3º DP de Guarulhos tinha o aluguel pago pela Prefeitura, que deixou de arcar com as obrigações. Foi planejada a mudança de endereço, mas, com a mudança na administração municipal, a nova gestão indicou o desejo de manter a unidade no mesmo prédio e negocia os valores com o proprietário.

A SSP acrescenta que desde 2011, foram contratados 3.688 policiais civis. Estão em curso na Acadepol outros 442 delegados, investigadores e escrivães, que serão distribuídos para todo o Estado. Além disso, serão realizados estudos junto a Secretaria de Planejamento para definir um cronograma de convocação de remanescentes dos concursos ainda com validade.

São Paulo, 02 de março de 2017

← Voltar